28 de outubro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 22: A BD E O SOUTHERN FOLK BLUES


Vigésimo-segundo programa com Gabriel Martins, André Oliveira e Pedro Moura. O livro lido em comum foi "Lomax. Collectors of Folk Songs" (originalmente da Dargaud, lemos a edição americana da Europe Comics). A ideia foi pensar um pouco sobre a música na banda desenhada, mas focados neste livro em particular e outras questões que ele desencadeia. Houve concentração e alguma análise, mas depois, o costume...

20 de outubro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 21: O FUTURO POR VIR


Vigésimo-primeiro episódio do programa com Gabriel Martins, André Oliveira e Pedro Moura. O tema que queríamos discutir era "O FUTURO POR VIR", e tínhamos um foco. Escolhemos "Ghost in the Shell", um clássico, quer da mangá, pelas mãos do seu criador Masamune Shirow, e depois refundado por Mamoru Oshii em animé. Mas falámos de uma catrafada de coisas e nem sempre organizados nas ideias. Por fim, enganei-me e falei de "Lomax" quando deveria ter dito "Frantz Duchazeau"! A desculpa é que... não, não há.

3 de outubro de 2020

A menina dos olhos ocupados. André Carrilho (Bertrand)

Será inevitável que todos os autores de banda desenhada, ilustração, literatura, música, teatro, ou empadas de galinha, no momento em que se tornam pais e começam a enfrentar a necessidade de participarem na educação de uma criança quer para a cidadania quer para a liberdade da imaginação, sentem a responsabilidade de criarem algo nesse sentido? Haveria muitos exemplos a apontar, uns movidos por uma certa capacidade em encontrarem caminhos comuns entre um território e as suas disciplinas de trabalho, outros talvez até por um certo egoísmo e egotismo, julgando-se capazes de fazer algo melhor do que aqueles que se dedicam a essa mesma tarefa. E haverá projectos que, nutridos por um movimento ou outro, trazem um contributo indelével a esse campo, mas muitos mais em que há um claríssimo falhanço, alimentado por uma pífia compreensão do que é preciso fazer, ou pior, empurrado pela tal arrogância cega aos demais exemplos. (Mais)

1 de outubro de 2020

Adeus, Quino.


Sei que é um cliché, mas é um daqueles "valores" - que tantos gostam de denegrir em posições cínicas e arrogantemente fingidas de uma certa superioridade cultural - que importa sempre defender - mais ainda AGORA! Lia Quino em miúdo, provavelmente percebia pouco, mas foi ensinando muito. É possível que seja mentira, mas porque não imaginar(-me) que a minha obsessão por etimologia tenha começado aqui?

Adeus, Quino. Em cada esquina te encontro.

29 de setembro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 19: BD PARA A INFÂNCIA







Episódio dezanove do programa com Gabriel Martins​, André Oliveira​ e este que parla. O tema deste programa, sem textos propriamente de partida, foi "BD PARA A INFÂNCIA", uma fatia de produção que, apesar da mantida expressão e percepção social, tem sido preterida nos últimos anos... Não foi assim tão concisa a conversa, mas esperamos ter dito alguma coisa... O próximo episódio focará o primeiro volume da série Stray Bullets, de David Lapham. 

[procurem a etiqueta "infantil" para encontrarem neste blog recensões a alguns dos livros que cito no programa"]

23 de setembro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 18: GUERRA




Episódio dezoito do programa com Gabriel Martins, André Oliveira e o autor deste blog. O tema deste programa foi "GUERRA", o livro comum, "O POEMA MORRE", [remeto ao texto que havia escrito quando foi publicado] de David Soares e Sónia Oliveira (Kingpin Books). Houve mais concentração sobre este título e os seus mecanismos temáticos do que um passeio pelo(s) género(s), mas lá chegámos. Um problema de gravação tornou tudo mais lento e por isso as vozes parecem mais graves.

16 de setembro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 17: RIR PARA NÃO CHORAR







Episódio dezassete do programa com Gabriel Martins, André Oliveira e este vosso criado. O tema deste programa foi "RIR PARA NÃO CHORAR" e o objecto que nos concentrou a a tenção foi a série "MEGG AND MOOG" de Simon Hanselmann, a qual ultrapassa títulos individuais, mas leu-se em comum dois dos volumes da Fantagraphics e o volume publicado em português pela Chili Com Carne.
Estávamos cansados, e com energia baixa, mas genuinamente interessados na discussão e até nos rimos ao relembrar algumas das horríveis anedotas dos livros... A ideia é compreender o mecanismo do humor negro para melhor revelar questões muito, muito incómodas e que desejamos manter à distância...

8 de setembro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 16: TENET







Décimo-sexto episódio do programa com Gabriel Martins, André Oliveira e Pedro Moura. A estrutura da discussão foi bem distinta, pois em vez de um livro de banda desenhada, discutimos o filme "TENET" de Christopher Nolan (2020), passando por vários elementos. Porém, houve uma tentativa de nos centrar em questões do storytelling, da estruturação narrativa, dos truques de aparência complexa, do desenvolvimento de personagens e criação de um fundo empático, enfim, da velha questão do equilíbrio entre histórias "plot-oriented" e "character-oriented", etc. Esticámo-nos um pouco, pois era sem rede.

2 de setembro de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 15: ADAPTAÇÃO







Décimo-quinto episódio do programa com Gabriel Martins, André Oliveira e este vosso criado.

O tema deste programa é "ADAPTAÇÃO", e falámos de "No Longer Human", de Junji Ito (Viz Media 2019), o qual adapta a novela de 1948 de Osamu Dazai (publicada em Portugal como "Não-Humano", pela Cavalo de Ferro 2014). Conversa com mais um uísque, mas correu ordeiramente, para variar.

25 de agosto de 2020

3 Graus de Carequice - Episódio 14: RETRATO DA SOCIEDADE







Décimo-quarto episódio do programa com Gabriel Martins, André Oliveira e Pedro Moura. O tema deste programa é "RETRATO DA SOCIEDADE", um tema algo geral, tendo-nos virado para um clássico moderno, "Ghost World", de Daniel Clowes (Fantagraphics, 1997; trad. port. "Mundo Fantasma", Devir 2005). A ideia era discutir a forma como os livros estão ancorados no seu tempo, podendo ser vistos como retratos mas igualmente como "datados". Mas depois destrambelhou. Que querem? Mais férias precisas...